Deserto do Atacama, surpreenda-se!

Deserto do Atacama, surpreenda-se!
25 de junho de 2018 MeltSwim
MeltSwim
In Destinos
Deserto do Atacama

Deserto do Atacama

Em Abril de 2017 fui conhecer o Deserto do Atacama e confesso que não sabia ao certo o que esperar do deserto mais alto do mundo, mesmo fazendo o dever de casa e pesquisando sobre os passeios e as paisagens do Atacama.

Procurei não criar muitas expectativas pelas fotos que via na internet, até  pelo fato que quase todas as fotos que vemos tem uma edição de cor, de luz que embeleza tudo e faz com que a expectativa seja grande e eu não queria me frustrar e sim ser surpreendida! E de cara já adianto que o Atacama com certeza tem o efeito UAU por todos os lados!

Já na chegada ainda do avião você já começa a ver a loucura de paisagens que esta por vir, o caminho do aeroporto até o vilarejo de São Pedro do Atacama é muita emoção com a paisagem você quer postar tudo, fazer muitos vídeos, mas segura a emoção pois ainda tem muita coisa pela frente!

Me hospedei no Tierra Atacama, bem próximo ao vilarejo e da Rua Caracoles, a principal rua onde existem várias lojinhas que vendem artesanato. Mas vamos focar no Hotel, o Tierra é um dos hotéis mais instagrámaveis que já conheci, tudo nele é lindo sua arquitetura moderna se integra totalmente com a paisagem do deserto e se alinha perfeitamente com a vista para a silhueta dos vulcões sendo o principal deles o Licancabur.

O Tierra oferece ao hospedes o serviço full board, ou seja você tem todas as refeições incluídas com bebidas alcoólicas e o principal, os passeios com guias bilingues que entendem tudo sobre a região.

Os passeios são privativos aos hospedes do hotel e você pode escolher quais deles prefere fazer de acordo com seu ritmo desde caminhadas, passeios de bike, a cavalo, contemplativos… Na chegada logo após o check in fui conheci o guia que me explicou tudo sobre o deserto, sobre os passeios e em seguida desenhamos os cronogramas de atividades.

Agora vão algumas dicas preciosas, no primeiro dia não tente abraçar o mundo e ir se jogando nos passeios mais difíceis, escolha os passeios onde a altitude não seja grande pois o seu corpo ainda está acostumando com a altitude.  Pegue leve no primeiro dia para não passar mal, beba sempre muita água e muito protetor solar e labial.

Tire um tempinho para passear pelo centrinho e olhar as lojinhas e tomar um drink pela Caracoles, a cidade é sempre bem agitada e no final do dia quando todos retornam dos passeios os bares e restaurantes ficam cheio de turistas animados.

Fiquei 4 noites em São Pedro do Atacama e não consegui fazer muitos passeios que queria, por isso recomendo no mínimo 4 noites menos que isso você vai ficar chateado de não conseguir fazer mais coisas.

Meus passeios preferidos foram as Lagunas Altiplanicas + Piedras Rojas, treckking em Los Cardones e o passeio ao Valle de La Lua.

Ficou faltando conhecer os Geisers de Tatio e o que eu mais queria era o passeio astronômico para a observação das estrelas, mas a lua estava cheia, por isso o céu fica muito iluminado e acaba tirando a visibilidade das estrelas. Fica para a próxima!

Sobre o clima no Atacama em abril, as temperaturas no Chile já começam a cair, mesmo no deserto, de manhã o clima é gelado e vai esquentando a noite friozinho de novo.

Como o deserto está a 2.300 m de altitude, é possível ver neve no topo dos vulcões e em certas épocas  algumas regiões chegam a ficar cobertas de neve, como as Piedras Rojas.  Já no verão as temperaturas são altas o que fica mais agradável para curtir a piscina, as termas de Puritana e alguns passeios com água.

Para mais informações e cotação giovana@apptite.com.br

Beijos,

Giovana Polotto

 

 

 

 

 

 

 

Giovana Polotto/ Apptite Travel

Comentário (0)

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

INSCREVA-SE PARA NOVIDADES